Histórias da Ditadura

Hoje na Imprensa

20
abr
2017

Justiça liberta o torturador do pai da presidente chilena.

Um juiz ordenou a libertação de Edgar Cevallos, condenado a quatro anos de prisão acusado de ter torturado, resultando em morte, o general Alberto Bachelet, pai da presidente Michelle Bachelet, em 1974, durante a ditadura militar.

Cevallos, que estava no presídio de Punta Peuco, norte de Santiago, onde estão presos os acusados de crimes contra a humanidade durante a ditadura, foi submetido a um exame psiquiátrico que determinou sua “alienação mental”, que o impede de cumprir com a pena imposta pela justiça, indicou o juiz Mario Carroza.

Leia mais: Estado de Minas